Compartilhe e Siga-nos!

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

CENTRO DO RIO / PRÉDIOS AO CHÃO

video

DESABAMANETO NO CENTRO DO RIO


Na noite de quarta feira, dia 25, foi ao chão dois prédios e umc ortiço no Centro do Rio.
Hoje, sexta-feira, ainda há procura de desaparecidos. Um fato triste, mas pré anunciado, pois o Centro do Rio de janeiro, é um dos lugares onde mais tem tragédias anunciadas. Prédio sem reparos e abandonados.

Alguns já tem os culpados, outros querem saber como. Mas o importante é que seja feito coisas para este e para futuras tragédias. Já que sendo um país onde vai sediar a Copa e Olimpiadas, deveria ter uma nova direção.

Não sei se é do prefeito Eduardo Paes ou do governador Sergio Cabral ou dos responsáveis pela obra que ocorria no local, a grande culpa. O importante agora é assegurar as famílias. Até porque, logo é carnaval e tudo volta festa. Menos para os parentes das vítimas.

Estive no local nesta sexta-feira, fotografei e entrevistei algumas pessoas, e o sentimento ainda é de perplexidade. Muitos queriam entender como e ainda temerosos ficavam falando que passaram no local minutos antes.E havia os curiosos, que vão olhar somente.

Semana triste. Desejo força para os parentes. E que se faça algo! Pois só para citar alguns lugares aqui, a Central, na parte dos fundos, é uma droga de lugar. Sujo, cheio de prostitutas e drogas. Mas eles só vão olhar para lá quando aquili cair também.

Estes eram os prédios.


Sexta-feira. 27.01.12 pela manhã.

Muita fumaça.

Lembra alguma coisa?

Operários retirando os escombros.

Reporter da Record aguardando novidades. No fundo, a fumaça continua a subir.

Caminho livre para os caminhões com escombros.

O Céu estava nublado, mas isso tudo é fumaça mesmo.

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

MASSACRE EM PINHEIRINHOS

MASSACRE EM PINHEIRINHOS
           Assim estão dando nome ao confronto já aguardado entre policiais e moradores de um loteamento com ordem da justiça de desapropriamento. Pinheirinhos é uma comunidade em São José dos Campos, São Paulo. A terra invadida pertence a um grande empresário, que mesmo depois que fora manifestado interesse por parte do governo em transformar a comunidade em bairro, entrou na justiça pedindo a terra de volta.

              Há a informação de que são 2000 famílias que ocupam o lugar há oito anos. Sua maioria mulheres e crianças, como sempre. Pois bem, como aqui, é um lugar que considero livre para questões como estas, venho colocar minha opinião.
            

             O Brasil tem um problema de reforma agrária há muito tempo. Desde o período colonial, há muitas terra que não são utilizadas e com isso, poucos as têm. Isto é fato, e ficamos conhecendo esta história ainda mais com a criação do MST (Movimento dos Sem Terra) criado em 1984.
Eu, simplificando as coisas, acredito que um erro não justifica o outro. Estão entrando com força no local? Semanas atrás eu vi uma matéria que os moradores estavam se armando para a chegada da polícia, então não seria sem aviso. O local não sendo seu, mesmo que não seja utilizado, não lhe dar o direito de usar porque está sendo abandonado. Não é seu! Um mínimo de bom senso, diria isso! 
              

            Sei que na grande parte são pessoas que necessitam de moradia mesmo. Mas deve-se fazer de outra forma. Não é fácil! É difícil mesmo, mas não são como as manifestações da Síria, Iran, e outros países que se integram como nação que vão resolver nossas questões. O MST já mudou muito, e há muito já se instaurou os interesses dos corruptos nele! Assim como em qualquer lugar, sempre há duas versões!
Agora, você atacar policiais (que não usam identificação nos uniformes) cumprindo a lei que lhes foi dado, não vai adiantar nada. Nem levar crianças para frente do confronto para mostrar a mídia, como já vi pessoas em outros casos solicitando isso. Não são todos inocentes. Há toda uma trama política, interesseiros e uma falta de bom senso geral. E a má educação das pessoas em saber como buscar seus direitos e deveres do Estado, as deixam cegas para seus deveres também.

                

                Finalizando, eu não acho que seja um massacre. Não como define o dicionário a palavra. Já está chamando até onde os ex-moradores estão como campo de concentração, uma alusão a Auschwitz. Isso é graças a uma mídia tosca, exploratória, e a pessoas que sabem como fazer chamar a atenção. Senhores, alguma coisa deve ser feito, mas não somente em Pinheirinhos, mas em todos os lugares onde estão famílias que invadem fábricas abandonadas, campos abertos, beiras de estradas. E não é agradando um lado, é se fazendo justiça. Que se organizem, mas não tentem fazer uma guerra e nem se espelhem em bagagem histórica dos outros. Pois a única guerra que fizemos foi a do Paraguai onde matamos quase todos os homens com muito orgulho!



           

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

A BRANCA DO BBB

Claro, não quero enfatizar ainda mais o ridículo, mas esta combinação de imagens me chamou a atenção. Não é devido so suposto estupro ocorrido numa emissora durante um programa saindo completamente da linha que se deve manter um canal televisivo. Mas sim pela abordagem.
Sempre ouvimos e vimos pelos contos adaptados principalmente pela Disney este tipo de amor. Uma moça, bela e virgem! (tem que ser, para ficar legal) aí, vem o príncipe e a beija e a liberta coisa e tal.

Lembrando que neste caso específico, a Branca de Neve, está totalmente drogada! Sem consciencia do que ocorre ao redor. Diferentemente do casal acima. Já que foi ingerido bebida alcoólica! E os anões não tinham isso.  

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

ESTRANHO, DE CARRO!

ESTRANHO E LUIZA

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

BBB 12 E O ESTUPRO

BBB fazendo sua fama. Desde de que houve uma festa organizada pelo programa onde os participantes Daniel e Monique beberam demais e foram dormir juntos, que a palavra da moda agora é “ESTUPRO”.
Eu nunca havia escutado e lido tanto esta palavra. São conversas de padarias, bares, no facebook, Orkut, e-mails e até correntes para que o programa saia do ar.



Uma coisa que me chamou a atenção é que a palavra “ESTUPRO”. Pela primeira vez está sendo pronunciada da forma correta. Os fãs de BBB, bom, como disse a emissora, são populares, e populares hoje em dia, significa pessoas sem instrução. Os mesmos, aprenderam a falar a palavra “ESTUPRO”, sem aquela famosa pronuncia, “ESTRUPO”. E por este lado, fico muito grato pelo BBB.
 Não estou nem aí se o casalzinho bebeu demais, fizeram filhos, ela quis ou não. Pois o que se pode esperar de uma casa fechada onde injetam álcool, e as bebidas alcoólicas, são as únicas coisas que não se compram com as estalecas, é de graça mesmo?
A única coisa que me deixa fascinado é a capacidade que a TV tem de influenciar e impor certas coisas. Agora, nem tão cedo ouviremos “ESTRUPO”, pois o popular aprendeu. Sabendo disso, porque raios as emissoras insistem em ensinar coisas ridículas para os seus telespectadores? Já imaginou se nas grandes emissoras tivessem um programa de direitos civis e social? Como seria os ônibus? Sem som alto, a educação renasceria. Mas não, vamos ensinar que todos são lindos, ahhh todos não, sempre terá uma Janete má educada e engraçada, uma gordinha, mas esta, sai logo logo da sua frente com a votação de populares. Pois o povo, não gosta de semelhantes, e sim o lindo, fabuloso, luxo como disse Joãozinho trinta.  

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

SOLDADOS DANÇANDO AI SE EU TE PEGO

Antes, exportávamos Pau-Brasil. Depois, mulheres e agora, idiotices!
O mundo está doente... E a sexta maior economia do planeta está entrando na linha!
Viva ao salário mínimo de R$ 625.00 e o aumento da passagem de ônibus no RJ para R$ 2.75

Bons tempos era quando aumentava dez, cinco centavos!

Mas vamos ver a nossa nova exportação:
Soldados israelenses dançando o grande sucesso do Brasil, Ai Se Eu Te Pego. Ao menos não foi funk. O gorverno mandou tretirar tal vídeo, mas o mundo virtual tem sempre uma cópia, e caiu na net, caiu para todos!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Compartilhe nas Redes Sociais